logo

Sobre os perigos de fotografar na montanha durante a temporada de tempestades.

Enquanto montava a minha palestra sobre fotografia de tempestades, eu comecei a pensar muito na segurança e quanto a falta de informação tem levado cada vez mais pessoas a arriscar as suas vidas, seja para fotografar ou para caminhar em trilhas e montanhas em épocas de tempestades. A “temporada de montanha” que começa em Abril e termina em Setembro, cai nos meses mais frios e secos, evitando o excesso de calor e problemas de insolação e desidratação, mas principalmente as tempestades elétricas. Pensando nesta falta de informação e em quanto as pessoas tem se arriscado cada vez mais, em tempos que as pessoas tem buscado cada vez mais o contato com a natureza e se aventurado em montanhas e trilhas.

Segundo informações do Inpe, no Brasil são registrados em média 77,8 milhões de raios por ano, com uma média de 120 mortes por ano, sendo que 28% das mortes ocorrem na região Sudeste.

Se você estiver caminhando na montanha, ou em um campo aberto e for pego por uma tempestade minimize os seus riscos:

  • Procure ir para um local mais baixo, sem descuidar da sua segurança é claro.
  • Evite campos e locais abertos.
  • Evite objetos isolados, como árvores e postes.
  • Afaste se das outras pessoas em pelo menos 50 metros.
  • Livre se de objetos metálicos tais como bastão de caminhada e tripés.
  • Fique longe de objetos metálicos como cercas de arame farpado.
  • A barraca não te protege de um raio, muito pelo contrário, algumas tem bastões e peças metálicas ou de carbono que costumam atrair a tempestade, então prefira ficar fora dela.
  • Evite as poças d´água!

Ao contrário do que pensamos, o que você faz durante uma tempestade pode fazer toda a diferença, ajudando você a sobreviver, ou sofrer lesões menores, caso você esteja em cima de uma montanha e a sua pele comece a formigar, e você sentir os seus pelos ou cabelos levantando, provavelmente um raio está para cair, e você deve se agachar imediatamente, conforme a figura abaixo:

Figura: Ted Slampyak – The Art of Manliness

  • Fique agachado na forma de uma bola, você é um ótimo condutor em relação ao ar, se você estiver em pé em algum ponto alto, ou em um local descampado, o raio irá escolher você como um atalho para chegar ao chão, então você deve se agachar formando uma bola, o mais próximo ao chão possível, mas sem sentar ou tocar o chão com o corpo.
  • Você não deve se deitar, lembre se que um raio está sempre procurando um atalho, e como falamos antes, você é um condutor melhor que o chão ou o ar, então se você estiver deitado e um raio cair próximo a você, uma corrente elétrica que estiver passando pelo chão usará o seu corpo como atalho.
  • Toque os seus calcanhares e coloque somente a ponta dos pés no chão, lembra se do atalho? Quanto mais dificultarmos para que o raio utilize o seu corpo como um atalho melhor, então quando você se agachar, deixe somente a ponta dos pés tocando o chão e mantenha os seus calcanhares juntos, assim se o raio passar por você, ele irá entrar por um pé e sair pelo outro, evitando órgãos vitais como o seu coração.
  • Proteja os seus ouvidos, cobrir os ouvidos com as mãos, vai evitar que você tenha problemas com perda de audição devido ao trovão caso um raio caia próximo a você.

Lembre se que isto não é uma regra e nem sempre o raio irá avisar antes de cair, então se você estiver caminhando e for pego pela tempestade, sempre tome as medidas de segurança citadas acima.

Anúncio



Piores lugares para você se abrigar de uma tempestade:

  • Árvores – se você estiver em uma floresta, evite ficar próximo as árvores mais altas e mais uma vez, cuidado com os raios que correm pelo chão, então fique agachado e mantenha os seus pés juntos.
  • Dentro ou próximo a água, a água é um condutor incrivelmente eficiente, e se você estiver nadando, você será o objeto mais alto na água.
  • Pequenos abrigos de parques, barracas, tendas de praia, pontos de ônibus, pequenas casas de madeira, ou qualquer tipo de abrigo sem paredes e sem encanamento ou fiação, que ajude a conduzir o raio para o chão.
  • Não confie nos para-raios, eles oferecem uma proteção limitada em um ângulo de 45 graus, e ainda limitada a uma certa altura, se o prédio ou antena for alta demais, você não estará protegido lá embaixo.

Se você estiver próximo ao carro:

Vá para o carro imeditamente, o seu carro é o local mais seguro para você estar durante uma tempestade.

Tempestade nas proximidades:

Mesmo que a tempestade esteja longe, você ainda corre o risco de ser atingido por um tipo específico de raio, que é inclusive, o raio que mais mata aqui no Brasil. O raio positivo costuma sair do topo da tempestade, e se afastar dela e tocar o chão a até 40km de distância da tempestade. Então se você estiver caminhando e começar a sentir os pelos do seu corpo e o cabelo levantarem, prepare se para se agachar imediatamente, mesmo que você não esteja próximo a tempestade.



728 x 90 IMU Leaderboard

 

 

  • Share

One Response